Bem vindo ao Web Site da Prefeitura Municipal de Ibertioga - MG

A região onde está incrustado o município foi habitada, primitivamente, por índios Puris, e pelos Coroados, ambos rechassados do litoral pelas tribos mais fortes. O advento da colonização do branco se deu com a chegada de Pedro Nunes, tido como fundador da povoação, que aqui instalara uma fazenda voltada à agricultura e pecuária, vindo posteriormente outros agricultores como Joaquim Afonso, Severino José Afonso, Porfírio e Antônio José Afonso, todos iniciadores do povoamento. Prosperaram as propriedades agrícolas inicialmente instaladas, motivando a vinda de novos moradores. Pedro Nunes fez construir na sua fazenda em 1711 uma capela em louvor a Santo Antônio de Pádua, seu protetor e anualmente festejava, com muita pompa, o Santo Padroeiro do povoado. O primeiro vigário foi o Padre Ibraim Coelho. A lavoura e a pecuária se desenvolviam, gradativamente, embalando o crescimento da localidade.

Proteção ao Patrimônio Cultural de Ibertioga.

             “PROJETO EDUCAR”

Com o objetivo de Conscientizar os educadores sobre a valorização e proteção dos bens culturais existentes no município, a Secretária Municipal de Cultura e Turismo e Secretária Municipal de Educação de Ibertioga se unem para a realização do “Projeto Educar”, de acordo com a determinações do IEFHA/MG.
Participam deste projeto alunos dos 4ºs e 5ºs anos da Escola Municipal Dr. Mário Batista do Nascimento (zona urbana) e Escola Municipal Antenor Rodrigues Pereira (zona rural).
O tema escolhido em votação pelos alunos foi os Passinhos, os quais tem um importantíssimo valor  Cultural e Histórico no Município.
A abertura do Projeto foi realizada pela Secretária Municipal de Educação- Regina Célia Fagundes Victor, seguido de palestras proferidas pela Consultora de Patrimônio- Flávia Assis e pela Secretária Municipal de Cultura e Turismo de Ibertioga- Vera Elisangela Oliveira de Paula Castro.
Nesta ocasião estavam presentes a Sra. Nilza Helena Rodrigues Pires- Diretora da Escola Municipal Dr. Mário Batista do Nascimento, as professoras Minervina Aparecida da Silva Chagas (4º ano), Cleucimar Rodrigues de Paula Nascimento (5º ano), Elizangela Patrícia Barbosa (5º ano), Luiza Aparecida Rodrigues de Paula (5º ano) e Consolação Piedade Silva do Nascimento (4º e 5º ano). e os 94 alunos envolvidos no referido Projeto.

Apoio: Conselho Deliberativo Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural do Município de Ibertioga.

Convite

Clique na imagem para ampliar o Convite:

CONVITE

25ª Exposição Agropecuária e 41º Concurso Leiteiro

IBERTIOGA2014-3

Bem vindo ao site da Prefeitura Municipal de Ibertioga

HISTÓRICO:
   A região onde está incrustado o município foi habitada, primitivamente, por índios Puris, e pelos Coroados, ambos rechassados do litoral pelas tribos mais fortes. O advento da colonização do branco se deu com a chegada de Pedro Nunes, tido como fundador da povoação, que aqui instalara uma fazenda voltada à agricultura e pecuária, vindo posteriormente outros agricultores como Joaquim Afonso, Severino José Afonso, Porfírio e Antônio José Afonso, todos iniciadores do povoamento. Prosperaram as propriedades agrícolas inicialmente instaladas, motivando a vinda de novos moradores. Pedro Nunes fez construir na sua fazenda em 1711 uma capela em louvor a Santo Antônio de Pádua, seu protetor e anualmente festejava, com muita pompa, o Santo Padroeiro do povoado. O primeiro vigário foi o Padre Ibraim Coelho. A lavoura e a pecuária se desenvolviam, gradativamente, embalando o crescimento da localidade.
O atual topônimo, Ibertioga, se origina, “Burique Oca” que quer dizer “covil dos búzios”(macacos) ou “refúgio das tainhas” (peixes). Ibertioga foi adotado para se diferenciar de Bertioga, município de São Paulo.
LOCALIZAÇÃO:
   O Município encontra-se localizado na Mesorregião: Campo das Vertentes  Microrregião: Barbacena Área de 353,3 km²  Coordenadas da Sede: Latitude: -21,430  Longitude: -43,963  Bacia do Rio Grande  Rio Elvas e Ribeirão Conquista. Tendo como Limites Intermunicipal os Municípios de: Barbacena , Antônio Carlos , Santa Rita do Ibitipoca , Piedade do Rio Grande e São João Del Rei.
GENTÍLICO: IBERTIOGANO
FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA:
   Distrito criado com a denominação de Santo Antônio da Ibertioga, pela Lei Provincial N° 2701 de 30-11-1880 e Lei Estadual N° 2, de 14-09-1891, subordinado ao município de Barbacena. Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o Distrito de Santo Antônio da Ibertioga, figura no Município de Barbacena. Pela Lei Estadual N° 843 de 07-09-1923, o Distrito de Santo Antônio da Ibertioga perdeu uma parte do território para criação do Distrito de Padre Brito, no Município de Barbacena. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o Distrito de Santo Antônio da Ibertioga, figura no Município de Barbacena. Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-12-1936 e 31-12-1937.Pelo Decreto Estadual N° 148 de 17-12-1938, o Distrito de Santo Antônio da Ibertioga voltar a denominar-se simplesmente IBERTIOGA. Em divisão territorial datada de 01-07-1950, o Distrito de Ibertioga figura no município de Barbacena. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 01-07-1960. Elevado à categoria de Município com a denominação de IBERTIOGA, pela Lei Estadual N° 2764 de 30-12-1962, desmembrado do Município de Barbacena, sede do antigo Distrito de Ibertioga. Constituído do Distrito sede, a instalação do Município de IBERTIOGA aconteceu em 01-03-1963.Em divisão territorial datada de 31-12-1963, o Município é constituído do Distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.
ALTERAÇÕES TOPONÍMICAS DISTRITAIS:
   Ibertioga para Santo Antônio da Ibertioga alterado, em 01-09-1920. Santo Antônio da Ibertioga para Ibertioga alterado pela lei estadual nº 843, de 07-09-1923.
Fonte: IBGE